02/06/2014

O que fazer para entreter animais que ficam sozinhos em casa?

Você pode criar brinquedos atraentes ou até mesmo recorrer à tecnologia do petchatz

Fonte: ZAP Imóveis

É sempre bom consultar um profissional para saber o que é mais adequado para entreter seu animal enquanto você está fora de casa. Na opinião da arquiteta Nátali de Mello, é importante entender seu comportamento e suas necessidades e prepará-lo para ficar sozinho em casa para que não destrua nenhum móvel ou objeto e também não fique infeliz.

Animais precisam de atenção e cuidado, mesmo com os donos fora de casa (Fotos: Shutterstock)

“Uma boa dica para os iniciantes é, a princípio, reservar um local da casa para o animal se acostumar a ficar sozinho. Quando ele já estiver ambientado, libere o resto da casa aos poucos”, aconselha.

Quer receber mais dicas de decoração e mercado? Clique aqui e cadastre-se

Para a arquiteta, o petchatz – aparelho constituído por um intercomunicador com microfone resistente a ser mordido, um sistema de captação de imagens e tela de LCD- é uma excelente solução para você vigiar o animal e lhe dar um pouco de atenção à distância. Mas essa pode ser uma solução um pouco cara para algumas pessoas.

“Se você tem um quintal, é legal fazer aquelas portinhas de cachorro para ele ter acesso ao quintal também. Assim pode aproveitar um pouco de sol e ficar mais relaxado, e também ter a oportunidade de ficar num lugar mais quentinho dentro de casa, se quiser”, recomenda. Para evitar que outros bichos entrem na sua casa durante a noite (ou até mesmo para a sua segurança), basta colocar uma trava nessa portinha e fechá-la nos horários que achar conveniente.

Apesar de cara, petchatz pode ser uma boa solução para dono se comunicar com o animal (Foto: Divulgação)

Deixe os brinquedos do seu pet bem acessíveis. É importante não dar todos os brinquedos ao mesmo tempo. Se ele tem cinco brinquedos, por exemplo, libere cada brinquedo por certo período de tempo. É uma maneira de ele não ficar entediado do brinquedo e sair roendo toda a casa. Reveze os brinquedos!

“Se seu animal é ativo, deixe a casa preparada para ele. Não espere que ele nunca mexa em nada da casa na sua ausência! Evite pequenos objetos ao alcance dele”, alerta Nátali.

Coloque brinquedos mais interativos. Algo que faça com que ele leve tempo para desmanchar ou descobrir algo. Por exemplo, dê um brinquedo com alguma ração dentro: ele levará um bom tempo se entretendo tentando pegar a comida e se esquecerá de roer o resto da casa!

Você mesmo pode fazer algum brinquedo, como uma garrafa pet recheada de ração. Faça pequenos furos nessa garrafa para o animal sentir o cheiro. Ele passará um tempo tentando abri-la para retirar a ração. Use pedaços de barbante para deixar brinquedos pendurados nas maçanetas e janelas. Alguns mais fáceis de tirar, e outros mais difíceis. Isso vai fazer com que ele gaste energia.

Deixe os brinquedos do seu pet bem acessíveis (Foto: Divulgação)

É importante fazer exercícios com o animal antes de você sair de casa. Assim, ele ficará cansado, relaxado, sem “aprontar” nada dentro de casa. Preocupe-se mais com o comportamento do seu animal! Um animal calmo, obediente e feliz ficará bem em qualquer ambiente.

Lembre-se de consultar um profissional para ajudá-lo com o treinamento do animal. Cada raça tem exigências diferentes e cada animal tem sua própria personalidade.

Tags: PETpets

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.