10/11/2008

O sonho da casa própria está mais distante e há aumento da pressão sobre os aluguéis

Fonte: O Globo

Segundo a Abecip, houve redução de 15,86%, em setembro, no total de empréstimos feitos pelos bancos

A desistência da compra de imóveis por conta da crise mundial já causa certa preocupação em relação às possíveis conseqüências sobre os aluguéis. Segundo os dados da Associação Brasileira de Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), houve redução de 15,86%, em setembro, no total de empréstimos feitos pelos bancos (R$ 2,94 bilhões contra R$ 3,494 bilhões em agosto).

E, em outubro, na Patrimóvel, uma das maiores imobiliárias do país, as vendas caíram 55%, passando para R$ 90 milhões, contra R$ 200 milhões em setembro. A negociação de contratos antigos de locação já não é tão simples quanto antes, informa o Sindicato da Habitação do Rio.

Leandro Ibagy, da Câmara Brasileira de Comércio e Serviços Imobiliários (CBCSI), diz que se todas as pessoas que desistissem da compra de imóvel partissem para a locação, o país não estaria preparado: Em Belo Horizonte e Curitiba, há filas de espera em todas as imobiliárias. E o Rio não foge muito desse cenário. Essa é, hoje, nossa plataforma de discussão com o governo federal. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.