11/03/2009

Ouro em versão moderna

Fonte: O Estado de S. Paulo

Na Ambiente 2009, feira de decoração em Frankfurt, marcas apostam no dourado em acabamentos, porcelanas e cristais

Fotos: Divulgação

No centro, talheres, saladeiras e bandejas da Mepra. Ao lado, da Rosenthal, vasos Reunion, design de Pieke Bergmans. Abaixo, tamborete de cerâmica da coleção Landscape, criação de Patrícia Urquiola; luminária Prismo Metallic, lançamento da Orrefors, e vaso Mannequim, da cristaleria Mario Cioni.À dir.,poltrona Chesterfield em nova versão, da KARE

Acabamento dourado tanto para objetos e móveis quanto para utensílios de mesa. A tendência roubou a cena na Ambiente 2009, feira de decoração recém concluída em Frankfurt. Marcas tradicionais como a alemã KARE abriram espaço para o ouro, aplicado no revestimento de banquetas, pufes e baús, no acabamento de cômodas e mesas de apoio e no estofamento da poltrona Chesterfield, entre outros destaques. A italiana Seletti extraiu do universo doméstico formas banais(caixa de ovo, lata de conserva, cafeteira, embalagem de detergente) que foram reinventadas em porcelana com pitadas de ouro – um estilo que transita entre o divertido e o sofisticado na edição Gold.

Vaso Precious facetado e assimétrico assinado por Malin Lindahl para Orrefors

Da Seletti, bandejas tipo papelão ganham vida em porcelana dourada

A Mepra, também da Itália, levou o dourado direto para a mesa; e ainda acrescentou as versões negro e bronze nas linhas de talheres, saladeiras, bandejas e baldes de gelo e vinho Due Ice Oro, Due Oro Nero e Due Bronzo. Quanto à porcelana, duas grifes optaram pelo branco para salientar formas inusitadas. A Rosenthal, outra alemã, apresentou vasos, pratos e bowls da linha Reunion, assinados por Pieke Bergmans. Da mesma marca é o tamborete de cerâmica que completa a coleção Landscape, da espanhola Patricia Urquiola. A peça tem 43 cm de altura e seu trabalho remete a uma superfície rendada. A portuguesa Vista Alegre, por sua vez, expôs os vasos Quartz, que instigam pelo acabamento facetado, elaborado por Bartek Mejor.

O cristal também ganhou versões modernas na feira alemã. Caso da luminária Bracelet Light, que lembra uma pulseira com pedras em formato piramidal, e da Prismo Metallic, estrutura de metal com pingentes de cristais, ambas da sueca Orrefors (design de Lena Bergström). Da mesma marca é a linha Precious, composta de suporte para vela, vaso, bowl e prato, assinada por Malin Lindahl, que explora formas assimétricas e facetadas. Jáo vaso Mannequim, da italiana Mario Cioni, tem forma cônica e sensual, produzida com puro cristal vermelho – para aguçar o olhar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.