30/03/2007

Pague a sua obra em prestações

Fonte: Jornal da Tarde

Instituições financeiras têm linhas de crédito especiais para a compra de material de construção

Marcos Mendes/AEZap o especialista em imóveisNa hora de reformar a casa, material de construção pode ser parcelado

A lista de material de construção é longa, mas o orçamento é curto. Essa é a realidade da maioria das pessoas que precisa construir uma casa ou fazer a tão esperada reforma. Mas para tornar a obra possível, o interessado pode contar com a ajuda dos bancos, que contam com diversas linhas de financiamento da compra de material de construção.

Somente a Caixa Econômica Federal oferece três produtos. Um deles é o Construcard, um cartão magnético de débito para uso em lojas conveniadas, que tem juros de 1,69% ao mês. O prazo para pagamento vai até 36 meses, e o limite, até R$ 180 mil, conforme análise de cada cliente.

Quem possui renda até R$ 4.500 tem outra opção: o Construcard FAT, que usa recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador e tem prazo de até oito anos. O limite varia entre R$ 3 mil e R$ 12 mil. A terceira opção é a Carta de Crédito FGTS Individual, que usa recursos do FGTS para financiar pessoa física com renda familiar até R$ 1.900 – mas o imóvel deve ser destinado à residência do interessado. O valor vai até R$ 7 mil e 15% a mais podem ser solicitados para pagar a mão-de-obra.

No Banco do Brasil, o cliente pode financiar de R$ 100 a R$ 20 mil e tem até quatro anos para pagar. Os juros variam entre 1,9% e 2,41%. As taxas cobradas pelo Bradesco são um pouco mais altas: elas vão de 1,99% a 3,49% ao mês e o máximo que pode ser contratado é R$ 7 mil. Já no Real esse valor sobe para R$ 10 mil e o prazo é de dois anos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.