16/12/2013

Paulistanos estão mais confiantes em comprar imóveis, diz pesquisa

Entre os que buscam imóveis novos, há uma expectativa positiva de intenção de compra, sendo que essa intenção média subiu para 80%

Fonte: ZAP Imóveis

Apesar da contínua alta dos preços, os paulistanos estão mais confiantes em comprar imóveis, seja para moradia ou como uma forma de investimento.

Quer receber mais dicas de decoração e mercado? Clique aqui e cadastre-se

Segundo uma pesquisa realizada pela Lopes, empresa que atua na intermediação e consultoria imobiliária, o Índice de Confiança do Comprador de Imóvel (ICCI) subiu 1,2% em novembro na comparação ao mês anterior, chegando a 123,4 pontos.

Segundo o levantamento, nos próximos seis meses, as perspectivas em relação a intenção de compra são melhores, o que reflete positivamente o Índice de Expectativas que subiu 3,2% em novembro, chegando a 141,6 pontos.Esse aumento representa mais otimismo e confiança dos potenciais consumidores e demonstra que a percepção em relação à economia brasileira aponta para estabilidade.Caio Augusto Pereira, Superintendente de Inteligência de Mercado da Lopes, explicou que o índice é um termômetro do setor e que sua série histórica desde janeiro de 2009 tem demonstrado boa assertividade com relação ao comportamento futuro dos compradores de imóveis de São Paulo.

Ele revelou ainda que, entre os paulistanos que buscam imóveis novos, há uma expectativa positiva de intenção de compra, sendo que essa intenção média subiu para 80%, enquanto no mês anterior era 70%.

“O otimismo e a melhora na confiança do consumidor observados nos índices de novembro favorecem a aquisição de imóvel no último mês do ano, período com grande oferta de lançamentos imobiliários”, afirmou, via nota.

A pesquisa quantitativa, realizada por meio de entrevistas telefônicas no período de 11 e 14 de novembro de 2013, contou com a participação de 622 entrevistados residentes na região metropolitana de São Paulo que pretendem comprar imóveis. A margem de erro é 4 pontos percentuais, considerando 95% como intervalo de confiança.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.