22/11/2007

Planeje sua mudança

Fonte: Editoria Zap

Alguns cuidados são essenciais para que corra tudo como o esperado

Cercada de grande expectativa, a mudança para a casa nova requer uma série de cuidados e providências. O importante para quem está prestes a entrar num novo imóvel é fazer uma boa pesquisa no mercado, escolher uma empresa idônea especializada em mudança e procurar as melhores condições de pagamento, já que essa é uma fase em que a reserva financeira do comprador ou locador costuma estar em baixa.

Em São Paulo, a Metropolitan, por exemplo, oferece descontos de até 10% para mudanças realizadas às segundas, terças e quartas-feiras, fora dos meses de muita procura (dezembro, janeiro, fevereiro e julho). Nessa época, as férias escolares contribuem para o aumento no número de mudanças. No Rio, a Duquerne também dispõe de descontos de 10% a 15% para mudanças solicitadas às segundas, terças e quartas-feiras, em meses de menor movimento. O parcelamento do pagamento e a aceitação de cartões de crédito também são práticas comuns no mercado, que podem facilitar – e muito – a vida de quem precisa mudar de casa.

Para que essa transição seja tranqüila, o ideal é solicitar o serviço com uma semana de antecedência, no caso de mudanças locais.

Para mudanças nacionais, será preciso antecedência de sete a dez dias. Nesse caso, outra medida de economia é informar-se na empresa sobre o sistema de aproveitamento de viagens e compartilhamento de cargas. Mudanças menores e que podem ser entregues em um prazo um pouco maior que o de uma mudança exclusiva podem seguir em um caminhão que já tenha outra mudança programada para o mesmo destino. “Isso faria com que uma mudança do Rio de Janeiro para São Paulo passasse de R$ 1.400,00 para aproximadamente R$ 600,00”, afirma a gerente comercial da Duquerne, Sandra de Sousa Soares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.