24/04/2009

Pondo um pezinho na areia

Fonte: Jornal da Tarde

Santos, Guarujá e Riviera de São Lourenço são os principais focos do mercado imobiliário

Mauricio de Souza/AEZap o especialista em imóveisRegião da Ponta da Praia, em Santos, recebe grande número de empreendimentos com vista para a orla

O Litoral do Estado, de Norte a Sul, é desejado por quem procura um segundo imóvel que acrescente qualidade de vida à sua família. Com a construção da segunda pista da Rodovia dos Imigrantes, que reduziu o tempo de viagem da Capital até cidades como Santos, Guarujá e Bertioga – as poucas que não possuem restrições ambientais que impossibilitam grandes edificações -, fez crescer o interesse do mercado imobiliário por essas cidades.

Segundo a pesquisa Estadual do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de São Paulo (Creci), de janeiro, a zona nobre de Bertioga, onde está localizada a Riviera de São Lourenço, é a mais valorizada. O metro quadrado de apartamentos na região chega a atingir R$ 4,9 mil, quando o metro quadrado de um apartamento de dois dormitórios na zona nobre de Santos chega a atingir R$ 3,3 mil e, no Centro do Guarujá, R$ 1,4 mil.

Uma das incorporadoras que começaram a olhar para essa região com mais atenção é a Gafisa, que tem seu primeiro projeto em Santos, após começar a atuar no Guarujá. Sandro Gamba, diretor de incorporação em São Paulo, estima que 80% dos paulistanos desejam uma casa na praia. “O crescimento da economia proporcionou o investimento na região. Nossos dois empreendimentos no Litoral tiveram velocidade de vendas 30% maior na segunda etapa de vendas este ano, quando comparado ao ano passado.”

Segundo ele, os lançamentos em Santos, onde 80% dos compradores vêm da Grande São Paulo, em busca da primeira moradia, se concentram na Ponta da Praia, um dos poucos lugares ao longo da orla que ainda disponibiliza grandes terrenos. Marcelo Dadian, diretor da regional de São Paulo da construtora Rossi, lembra que a área concentra clubes náuticos e é próxima do porto. “A orla está ocupada por prédios antigos, da década de 1970 e era carente de empreendimentos modernos.” Carlos Capudjian, diretor de unidades de negócios da Imobiliária Lopes, cita ainda bairros como Marapé e José Menino, alternativas a locais consolidados como Embaré.

DivulgaçãoEdifícios na Riviera de São Lourenço, pedaço cada vez mais valorizado

Com a falta de terrenos em Santos, Dadian acredita que o mercado tende a se expandir para a Praia Grande. “O zoneamento do Guarujá permite verticalização superior, mas tem foco na segunda moradia e na Praia da Enseada.”

No Litoral Norte, a atenção se volta para o Jardim São Lourenço, ao lado do famoso condomínio de imóveis de alto padrão, cita Capudjian. “No Jardim São Lourenço, é possível encontrar apartamentos maiores por preço menor. Enquanto oferece apartamentos a partir de R$ 240 mil, na Riviera o preço sobe para R$ 420 mil.”

LANÇAMENTOS:
Costa Azure
No Jardim São Lourenço, ao lado da Riviera, unidades a partir de R$ 280 mil com 79, 86 e 98 m2, com três e dois dormitórios, terraço com churrasqueira e lazer completo
www.costaazure.com.br

Enseada Verdemar
Duas torres de 20 andares com unidades a partir de
R$ 485 mil com 158 a 268,90 m2 de área útil. Previsão de entrega: outubro de 2010.
www.gafisa.com.br/verdemar

Vista Marina
Duas torres com unidades a partir de R$ 682 mil, 189 m2 privativos, vista para o mar e lazer completo na Ponta da Praia, em Santos. Previsão de entrega: fevereiro de 2010
www.rossiresidencial.com.br/vistamarina

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.