19/05/2012

Prefeitura de Joinville (SC) quer levar infraestrutura ao litoral da cidade com criação de parque

Prefeitura de Joinville (SC) quer levar infraestrutura ao litoral da cidade com criação de parque

Fonte: Revista do ZAP

O Parque Porta do Mar começará onde existe o trapiche do Barco Príncipe, no Espinheiros, e seguirá até o fim da rua Antônio Gonçalves

O pescador Ailton Dias de Oliveira, 54 anos, enche os olhos ao falar sobre sua vida no bairro Espinheiros, em local privilegiado de Joinville, Santa Catarina: às margens na Baía da Babitonga. Com um empurrãozinho, avalia o pescador, o bairro pode se tornar ponto turístico. “Quer cenário mais lindo que esse?”, provoca.

Uma pista para carros – transformada nesta semana em binário – dará lugar a um calçadão para pedestres e ciclofaixa para ciclistas. Serão instalados bancos e iluminação pública. O projeto já havia sido licitado em 2008.

Divulgação

Local onde deve ser parque Porta do Mar


“Mas a mesma empresa que ganhou o Porta do Mar ganhou a obra no Morro Boa Vista. E teve uma série de problemas. O Porta do Mar não andou. Só em dezembro passado, a empresa assinou a desistência. Então optamos em atualizar o projeto para sair agora”, explica o diretor-executivo do Ippuj, Vânio Lester.

A revitalização da área alegra o pescador Ailton. Mas o que mais o empolga é a construção do trapiche, ao lado de sua casa. “Acho que vai vir muito gente para cá passear. E, numa dessa, até comprar peixes”, brincou.

O trapiche ficará na rua Antônio Gonçalves, onde há seis cerejeiras. O terreno pertencia à União, que cedeu o uso à prefeitura em 2010. O pescador tem uma dúvida: “tem dias que a maré fica baixa e a baía fica um lodo só. O trapiche terá que tamanho?”, questionou.

Segundo Vânio, este aspecto constou nos planos. “Foi feita batimetria (levantamento subaquático) para ver até onde vai a lâmina da água. O trapiche terá 130 metros de extensão”, observou.

Além do trapiche, será construída academia para a melhor idade. O fim da rua, em frente ao mar, foi escolhida para um monumento da Porta do Mar. “Foi o acesso mais próximo do povo que colonizou Joinville. É ligação deles com o mar, com a Babitonga”, relatou Vânio. Em frente ao pórtico, será construído um deque de passeio.


Leia mais:
>> Revitalização da rua das Palmeiras em Joinville deve ficar pronta em junho de 2012
>> Veja imóveis à venda em Joinville
>> Imóveis para alugar em Joinville
>> Anuncie seu imóvel no Pense Imóveis

Tags: Urbanismo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.