20/04/2009

Primeiras moradias entregues em 8 a 10 meses

Fonte: O Globo

CEF está pronta para entender à enxurrada de consultas de governos, construtoras e cidadãos interessados no programa Minha Casa, Minha Vida

A Caixa Econômica Federal (CEF) fez o dever de casa e está pronta para atender à enxurrada de consultas de governos, construtoras e cidadãos sobre o programa Minha Casa, Minha Vida de habitação do governo federal. É o que garante a presidente da CEF, Maria Fernanda Coelho, que prevê avaliações dos projetos e das construtoras em 15 dias e a entrega das primeiras unidades em oito a dez meses.

O Globo: A Caixa está preparada para gerir o maior programa habitacional brasileiro?
Maria Fernanda Coelho: É um grande desafio, mas nos preparamos internamente, com capacitação das equipes e mobilização para atendimento das famílias. Decorridos cinco dias do atendimento nas agências, temos conseguido atender e informar à população. Os processos são simplificados, e a expectativa é que a análise da construtora e do projeto seja feita em 15 dias.

Como está o ritmo de entrega de projetos?
Fernanda: Já fomos procurados por mais de 400 prefeituras e governos estaduais, recebemos 154 projetos, que totalizam mais de 33 mil unidades. As primeiras moradias devem ser entregues dentro de oito a dez meses.

Os bancos privados devem atuar nas linhas do FGTS?
Fernanda: O spread muito baixo não despertava interesse, mas o programa dá uma escala que permite ganhos.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem sido incisivo sobre a redução de spread…
Fernanda: Desde setembro, baixamos juros quatro vezes. Segundo o Procon, são os mais baixos do mercado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.