15/12/2009

Quitinete: aluguel fica mais barato

Fonte: Jornal Extra
 Preços dos quitinetes caíram mais de 10% (Foto: Verônia Lima)
Preços dos quitinetes caíram mais de 10% (Foto: Verônia Lima)

De Campo Grande a Ipanema, os apartamentos de um quarto ficaram mais baratos ao longo de 2009. A constatação é do Sindicato da Habitação do Rio (Secovi Rio), em pesquisa sobre a variação dos aluguéis em dez bairros da cidade, de janeiro a dezembro deste ano. Os preços dos quitinetes caíram mais de 10% em cinco regiões pesquisadas, inclusive em áreas nobres.

É o caso de Ipanema, na Zona Sul. Segundo o levantamento do Secovi Rio, o custo do aluguel de um apartamento de um quarto no bairro foi reduzido em 11,93%, entre janeiro e dezembro. Mas a desvalorização para por aí. As locações de imóveis de dois quartos ficaram 25,74% mais caras e as de casas e apartamentos de quatro quartos subiram 158,84%.

Na Zona Oeste, a entrega de lançamentos imobiliários e a maior oferta de crédito derrubaram os valores dos imóveis de um e dois quartos na região. Em Campo Grande e Jacarepaguá, os aluguéis de apartamentos de um quarto ficaram 19,51% e 17,19% mais baratos, respectivamente.

“A tendência é de queda no custo dos aluguéis nesses bairros para 2010. A redução será motivada pela entrega de imóveis de dois quartos do programa “Minha casa, minha vida”. Com acesso ao crédito, muitos inquilinos estão virando mutuários nessas regiões, o que derruba o custo de aluguel”, analisou Casimiro Vale, presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-RJ).

Em situação inversa, Botafogo, Tijuca e Centro sofreram valorização acima de 10% nos preços de locação de imóveis de todos os tamanhos. Segundo Vale, a oferta reduzida de casas e apartamentos, aliada ao aumento da procura nesses bairros, motiva a alta constante. E a tendência permanecerá em 2010.

Para o vice-presidente do Secovi Rio, Manoel Maia, em 2010 haverá maior valorização desses bairros e de outros, como Laranjeiras e Flamengo. Ele afirma que os dados mostram a recuperação do mercado de locação em 2009:

“O segmento ficou bastante aquecido a partir de segundo semestre. Para 2010, a situação deve ser melhor.”

PREÇO NÃO CONDIZ COM ESTRUTURA – Quem está buscando apartamento sofre os efeitos da vlorização dos bairros mais bem estruturados da cidade. O jornalista Leonardo Viso, de 27 anos, está há dois meses à procura de um apartamento de um quarto no Centro ou em Botafogo – dois bairros que sofreram valorização excessiva este ano. Para ele, os custos de aluguel não condizem com as condições dos imóveis nesses bairros.

“Muitas vezs, o apartamento é velho, mas tem muitas exigências”, disse.

A bióloga Bruna Matheson, de 28 anos, acaba de trocar Niterói pelo Rio. MOando atualmente na Barra, ela reclama também do custo do conimínoi na cidade: “Acho um absurdo.”

3 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.