06/05/2019

Confira as tendências de decoração do Salão do Móvel 2019

Referência para o mundo da decoração, o Salão do Móvel apresenta tendências de design que costumam repercutir por todo o ano.

Fonte: ZAP em Casa

Aconteceu entre os últimos dias 09 e 14 de abril em Milão, na Itália, a 58ª edição do Salão Internacional do Móvel (ISALONI). Referência para o mundo da decoração, o evento é famoso por expor as criações dos principais designers do mundo e ditar as tendências que costumam repercutir até o final do ano.

Salão do Móvel
O Salão do Móvel de Milão acontece desde 1961 (Foto: Salone del mobile.milano / Reprodução)

Em 2019 não foi diferente. As inovações apresentadas nos estandes do evento chamaram muito a atenção dos participantes, que conseguiram perceber as tendências compartilhadas entre os expositores. Das cores utilizadas nos estofados ao formato dos tapetes, as semelhanças foram claras e já começam a refletir nos lares de todo o mundo.

Pensando nisso, separamos as principais tendências da edição deste ano para você que quer ficar a par das novidades do mundo da decoração e quem sabe dar um upgrade na mobília da casa. Confira:

Desenho orgânico

Salão do Móvel
Móveis com curvas e formas sinuosas são elaborados pensando na natureza (Foto: Shutterstock)

Os móveis com estruturas em formato orgânico, como curvas e efeitos zigue-zague, foram uma das principais tendências da edição de 2019. A mobília rica em formas sinuosas, no entanto, é um elemento de conhecimento do grande público já há alguns anos, inclusive dos brasileiros.

“Com a evolução das ferramentas de fabricação, a ousadia no design vem tomando forma, e a biomimética (ciência que estuda as estruturas biológicas e suas funções) é a base dessa tendência. Os móveis orgânicos buscam, então, reproduzir as formas presentes na natureza aproximando as linhas das formas naturais da vida”, explicam Mirna e Joel Alves, casal de designers e donos do Studio 1202.

Brasileiros gastaram US$ 2 bilhões em imóveis na Flórida apenas em 2018, mostra pesquisa

Móveis assimétricos e ‘imperfeitos’

Salão do Móvel
Um tendência muito forte é a de ousar em assimetria e ‘imperfeição’ (Foto: Shutterstock)

Por muito tempo, garantir a beleza de um ambiente significava contar com móveis simétricos, proporcionais aos cômodos e harmoniosos entre si. Porém, de alguns anos para cá, modelos mais assimétricos de mobília vêm ganhando destaque nos mais variados tipos de ambientes, o que ficou bem marcado na edição deste ano.

“Essa tendência já é vista há algumas edições da feira de Milão e vem se efetivando a desconstrução do perfeito, permitindo um tom mais lúdico e dinâmico para os lares, coordenando todas as linhas e aspectos de um lar. Passa-se a focar no que nos faz bem não importando a geometria dos móveis e das construções“, contam os designers.

Veja como se certificar de que o prédio pelo qual você se interessou é regularizado

Cores terrosas

Salão do Móvel
Cores frias e em tons pastéis vêm dando lugar a cores fortes e terrosas (Foto: Shutterstock)

Da mesma forma que os móveis assimétricos, cores em tons fortes, como as que fogem do clima frio e da neutralidade, sempre foram desprezadas pelos designers. De alguns anos para cá, entretanto, esse receio vem se transformando em uma vontade cada vez maior de dar vida aos ambientes por meio de cores mais densas e encorpadas.

“Essa é uma tendência muito forte e nela podemos notar o aquecimento das superfícies, saindo de tons frios e cinzas para tons mais quentes. Até mesmo o cinza, que, por essência, é uma cor fria vem ganhando tons mais aquecidos com nuances de marrom e bege”, explicam.

Saiba o que fazer para não cair em golpes na hora de comprar um imóvel

Armários-vitrine

Salão do Móvel
Os armários-vitrine visam uma maior proximidade entre o morador e as roupas (Foto: Shutterstock)

Assim como em edições anteriores, móveis como armários e guarda-roupas foram apresentados com detalhes diferenciados sobretudo nas portas. Neste ano, o modelo de armário-vitrine foi um dos mais comuns, o que mostra uma tendência cada vez maior de dar ao guarda-roupa uma função parecida com a do closet, mas com um menor investimento.

“Os armários vitrines promovem a reaproximação do morador com seus objetos. Agora vemos a volta de móveis estilo vitrine com superfícies transparentes permitindo o usuário se aproximar de seus objetos e de suas histórias. Algumas peças ganharam contornos mais modernos com utilização de linhas retas e estrutura metálica, seguindo também a tendência do design industrial”, contam.

Saiba como fica o financiamento pelo ‘Minha Casa, Minha Vida’ em caso de perda de emprego

Mobília artesanal

Salão do Móvel
A exclusividade dos móveis feitos à mão estão ganhando grande destaque (Foto: Shutterstock)

A mobília artesanal por muito tempo foi tida como algo sem valor e, portanto, inadequada para compor projetos de decoração. A edição deste ano do Salão do Móvel mostrou que isso tende a ser transformado de forma radical, principalmente no que diz respeito à utilização em ambientes internos.

“Ao longo dos últimos anos fomos nos aproximando da tendência do consumo de massa, onde tudo era pensado para ser produzido em grande escala por máquinas e, hoje, isso passa a ficar cada vez mais no passado. Atualmente, a tendência chave é o handmade (feito a mão), onde a habilidade manual é cada vez mais valorizada”, afirmam os designers.

Incorporadora, imobiliária e construtora: quais as diferenças?

Efeito COCOON

Salão do Móvel
Antes exclusivos a quartos infantis, móveis em efeito COCOON estão mais populares (Foto: Shutterstock)

Móveis em efeito COCOON (casulo) também vieram de modo diferente nesta edição do Salão do Móvel. Se antes o modelo era exclusivo à decoração de ambientes destinados ao público infantil, como berçários, creches e quartos de criança, neste ano isso foi expandido a todos os tipos de ambientes e públicos.

“Nesta tendência podemos evidenciar diversos mobiliários que promovem o efeito de proteção e aconchego. No geral, são poltronas que possuem uma estrutura em seu entorno promovendo a sensação de segurança e a introspecção do pensar. Essa tendência também revela o ‘ficar dentro de casa’ no seu conforto e segurança como algo introspectivo”, explicam.

Saiba como descobrir se a imobiliária por onde você está adquirindo um imóvel é confiável

Moduladores e multiuso

Salão do Móvel
Comum às últimas edições do Salão do Móvel, a mobília multiuso ainda é tendência (Foto: Shutterstock)

Móveis e peças com muitas utilidades são uma tendência antiga e que surgiram para atender públicos que vivem em imóveis pequenos, como é o caso dos studios e das kitnets. No Salão do Móvel de 2019, a tendência foi reafirmada, o que ficou claro em diferentes tipos de móveis e adereços decorativos.

“Com os espaços cada vez menores, as marcas têm apostados cada vez mais em móveis multiusos ou modulares, permitindo a expansão continuada da casa ou até mesmo um melhor aproveitamento dos espaços. Mesas que dobram e viram aparadores, camas que se escondem na parede deixando o espaço livre para circulação são alguns exemplos destes móveis”, contam.

Banco privado e construtora firmam parceria para financiar na planta

Móveis de palha

Salão do Móvel
Móveis de fibra orgânica, como a palha, se mostraram uma forte tendência artesanal (Foto: Shutterstock)

Tipo específico de móvel artesanal, a mobília desenvolvida a partir do uso da palha como principal elemento começou como uma tendência de países tropicais. Na edição de 2019 do Salão do Móvel, o modelo se mostrou presente em diversos tipos de móveis e peças decorativas, reafirmando o uso da fibra orgânica.

“As fibras orgânicas sempre fizeram parte do design brasileiro (as cadeiras de palhinhas não me deixam mentir), mas podemos notar agora no Salão a utilização de fibras naturais e sintéticas, permitindo a produção de peças mais leves em seu design. Algumas dessas fibras são derivadas da reciclagem de materiais descartados, como por exemplo redes de pesca, garrafas PET e retalhos da indústria“, finalizam os designers.

Saiba o que é hipoteca e como funciona no Brasil

Confira a transformação de uma sala de estar:

+Confira as características dos imóveis de alto padrão

+Decoração de studio requer poucos móveis e funcionalidade

+Aprenda a receber bem os amigos para beber em casa

+Veja que tipo de piscina cabe na sua casa e no seu bolso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.