04/09/2013

Soluções criativas e sustentáveis adaptam imóvel para estilo de vida descomplicado

Soluções criativas e sustentáveis adaptam imóvel para estilo de vida descomplicado

Fonte: Revista do ZAP

Reutilização de materiais e ativa participação dos donos reduzem custo de reforma em apartamento antigo em Porto Alegre

Morar perto do trabalho, ter espaço para as filhas brincarem, andar mais a pé. Foram esses os desejos que motivaram Vanessa e Roberto Trombini a trocar um apartamento no bairro Moinhos de Vento, em Porto Alegre, por um imóvel com aproximadamente 60 anos localizado no centro da cidade. Se a planta com living estendido e três dormitórios distribuídos em generosos 170 metros quadrados fez os olhos da família brilharem, o mesmo não se pode dizer das condições do local.

Porto Alegre-Decoração


“O apartamento precisava de uma reforma completa, com redistribuição de layout e troca quase total de materiais”, explica a arquiteta Daisy Dias, do Destudio Arquitetura, responsável pelo projeto de interiores.

Colaboração criativa

A mudança mais drástica da área social ocorreu na cozinha. A área do ambiente e a da copa foram integradas com a demolição de parede divisória, e foi instalada uma churrasqueira pré-moldada, pedido dos moradores. Duas paredes tiveram o reboco removido para revelar o tijolo original, que recebeu pintura caiada branca.

A família, que abriu mão de uma sala de jantar rígida, com vários lugares, se reúne ali, junto à bancada da cozinha, para refeições rápidas e quando recebe amigos.

“Eles gostam desta pegada industrial, estilo que vai ao encontro das suas habilidades e que acaba também reduzindo o custo total. Não é à toa que eles fizeram muitas da peças, no melhor estilo “faça você mesmo””, diz Daisy.

Porto Alegre-Decoração

Clique aqui e veja mais fotos.

Se a criatividade ajuda a bolar soluções a partir de materiais que iriam direto para o lixo, a vantagem da dona da casa não para por aí.

“A cliente é decoradora de festas, então ela tem diversos itens espalhados pelo apartamento que ela reaproveita das festas que realizam e vice-versa, testando antes o que funciona e o que não funciona, o que acaba transformando a casa em uma espécia de atelier”, conclui Daisy.

Leia mais:
>> Saiba como economizar de forma inteligente em reformas e construções
>> Criatividade com um ambiente estimulante e inovador
>> Reforma total adapta imóvel de 60 anos para estilo de vida de homem que vive sozinho

Tags: arquitetura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.