26/04/2011

Superfícies bem organizadas com poucos objetos

Fonte: O Globo
Mesa de trabalho organizada por Verônica Fraga (Foto: Verônica Fraga)
Mesa de trabalho organizada por Verônica Fraga (Foto: Verônica Fraga)

Rio de Janeiro – A casa está limpa, organizada, com cada coisa em seu devido lugar. Mas na hora de arrumar as mesas, vem aquela dúvida: objetos decorativos podem ser lindos, mas será que não estão ocupando o espaço de algo mais funcional que precisaria realmente estar ali? Quando as superfícies são pequenas, então, como no caso das mesinhas de cabeceira, o sufoco é ainda maior. Afinal, depois de já estar na cama, levantar para pegar qualquer coisa dá uma preguiça daquelas. Mas organizar superfícies não precisa ser uma tarefa tão difícil assim. Segundo a personal organizer Verônica Fraga, autora do blog Um Brinco , o importante é ter critérios na hora da organização e tentar combinar a estética com a funcionalidade de cada objeto.

“Não é agradável visualmente olhar para uma superfície muito cheia de objetos, por mais bonitos que sejam. Ao contrário, para destacar sua beleza, menos é mais. Portanto, deixe na superfície somente organizadores extremante necessários e escolha os mais bonitos tendo em vista que eles devem se integrar ao restante da decoração“, ensina.

Veja abaixo as dicas dadas por ela para cada tipo de superfície:

Mesa de trabalho – Deixe em cima da mesa somente o que está usando no momento. No porta-treco, uma borracha, lapiseiras, canetas e alguns clipes. Um porta-papel de dois ou três andares, uma pasta arquivo com divisórias, um bloquinho de notas pequeno, o computador e um risque-rabisque.
Cômoda:

Se estiver na sala, procure usá-la para decoração, mas com poucas peças como um jarro de flores e uma bandeja com peças de porcelana e um castiçal. Caso esteja no quarto, coloque um abajur, uma bandeja com uma jarra de água e dois copos e um arranjo floral.

Rack de TV – O ideal é que somente os aparelhos fiquem na superfície. Organize os controles remotos em porta-controles. Os CDs e DVDs devem ficar organizados em nichos, prateleiras ou gavetas.

Fraga Mesa de cabeceira – O princípio é o mesmo, embora mais difícil de cumprir já que gostamos de ter tudo à mão na hora de deitar. Normalmente, tem de tudo: documentos, moedas, remédios, copo, livros, telefone, controle remoto, caixinhas, velas. Por isso, o melhor é escolher mesinhas de cabeceira com gavetas e/ou prateleiras. No caso das gavetas, tenha também divisores para separar cada objeto em um espaço. Esteticamente, o ideal é ter apenas um abajur, um arranjo de flores, um porta retrato e o livro que estiver lendo. Para as mulheres, ter uma ou duas caixas decorativas pode ser uma boa solução para guardar brincos temporariamente.

Aparadores – O ideal é deixar o mais vazio possível porque eles são usados como apoio em recepções. O morador pode fazer, de um lado, um pequeno bar, usando uma bandeja, taças bonitas e garrafas de bebidas; e, de outro, colocar uma outra peça decorativa, como um quadro apoiado.

Quarto do Recém Casado, de Ana Luiza e Paula Violland, do Morar Mais por Menos de 2009, mostra mesa de cabeceira bem decorada (Foto: Verônica Fraga)
Quarto do Recém Casado, de Ana Luiza e Paula Violland, do Morar Mais por Menos de 2009, mostra mesa de cabeceira bem decorada (Foto: Verônica Fraga)

Mesa de centro – Pode ser usada para dispor livros de arte ou revistas bacanas. Também não deve ter objetos demais porque quando receber amigos, certamente servirá como apoio para petiscos e copos. Uma fruteira, uma planta ou um vaso vazio ou com flores (nunca alto porque pode atrapalhar a visão entre as pessoas que querem conversar) ficam muito bem. Um ou outro objeto de design também.

Mesas laterais – As principais funções dessas mesas são a de apoio de copos e luminárias. Por isso, também não podem ficar muito cheias de outros objetos. Decore com parcimônia.

LEIA MAIS:

Móbiles e pendentes estão na moda. Saiba como usá-los em cada cômodo

Casa ou apartamento? Que tal os dois num lugar só?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.