04/11/2007

Um bicicletário na sala de jantar

Fonte: O Globo

Em área espaçosa e de fácil acesso, sobra lugar para as bicicletas

Marco Antônio CavalcantiZap o especialista em imóveisNo canto da sala, o bicicletário, que pode ser escondido por portas laqueadas de branco

 

Um casal aficionado por ciclismo e um prédio sem espaço adequado para guardar as bicicletas. Para resolver essa charada, o jeito foi criar um bicicletário dentro do apartamento, um dúplex no Jardim Botânico. E o lugar escolhido foi, por mais estranho que pareça, a sala de jantar, de 40 metros quadrados: uma pequena parte dela — 8,4 metros quadrados — foi destinada ao estacionamento.

O projeto é da arquiteta Christiane Laclau. Ela explica que esta sala, que fica no primeiro piso, era originalmente dividida em duas. Como já havia um living espaçoso no segundo piso, virou uma só. Mas, mesmo com uma mesa de jantar de três metros, havia espaço de sobra.

— É um layout ousado, mas muito prático, especialmente porque o bicicletário fica ao lado da porta principal, de forma que os moradores não precisam carregar as bicicletas apartamento adentro. Antes, os veículos ficavam num compartimento embaixo da escada e era sempre difícil para guardá-las e retirá-las do local — diz Christiane.

A arquiteta explica que foram criados seis suportes de aço acolchoados com neoprene para as bicicletas. O espaço também conta com armários para ferramentas e prateleiras para capacetes e luvas. A parte inferior da parede foi forrada com painéis de laca preta, evitando sujeira, em caso de contato com as rodas da bicicletas:

— E há as portas de correr, que são de madeira laqueada de branco, de forma que, se quiserem, os moradores podem esconder o espaço.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.