08/12/2008

Um mercado em expansão

Fonte: Jornal da Tarde

Não só em vendas, mas geograficamente; novos bairros entram na mira das incorporadoras

As construtoras também começam a apostar em endereços que não fazem parte do tradicional eixo comercial paulista. Alphaville, Paraíso, Chácara Santo Antônio e até Alto de Pinheiros irão receber empreendimentos comerciais nos próximos meses.

Um dos destaques são os futuros lançamentos da incorporadora Yuny, que, além de três empreendimentos próximos à Avenida Brigadeiro Faria Lima, também aposta no bairro do Tatuapé – com salas menores próximo ao shoppings e ao Metrô – e outro na Marginal do Pinheiros, continuando a expansão empresarial da região da Avenida Luís Carlos Berrini em direção a zona sul da cidade.

“São empreendimentos que, quando bem localizados e dotados de infra-estrutura, têm comercialização rápida”, afirma Marcelo Yunes, CEO da empresa. Há 15 dias, a incorporadora lançou um empreendimento na Berrini, que já está com 70% das unidades comercializadas tanto para investidores quanto para uso próprio.

Os profissionais da área apontam os empreendimentos comerciais como uma forma segura de investimento pela forte liquidez na locação. Segundo a diretora de Incorporação da Lindencorp, Maristela Val, a taxa de vacância das salas comerciais na região da Avenida Faria Lima é de 0,8%. “É uma região valorizada e com demanda forte. Com o Metrô, a aposta cresce”, diz.

A empresa de desenvolvimento imobiliário está com um empreendimento na Rua dos Pinheiros, local onde passará a nova linha do Metrô. O projeto Win Work tem como diferencial não ter pilares intermediários, o gera um vão livre de até 625 m², com 2,8 m de altura após o rebaixamento do teto e a elevação do piso para cabeamento.

A Brascan Company comercializa atualmente um empreendimento que incluirá um shopping aberto e salas comerciais e ainda espaços corporativos em Alphaville. O Brascan Century Plaza-Green Valley, que contará com espaço verde e um lago, já tem 60% de unidades vendidas. A empresa ainda aposta na região próxima à Ponte Transamérica, na zona sul da cidade. O projeto ainda está em andamento, mas o m² é cotado em R$ 7 mil.

Outra que resolveu descobrir novos nichos além do eixo tradicional foi a Cyrela. O empreendimento no Alto de Pinheiros, próximo ao Parque Villa-Lobos vendeu quase 800 salas em quatro dias. “As salas comerciais cabem em vários locais. Já trabalhamos na Vila Mariana e Paraíso. São apostas em locais que não são tão óbvios”, comenta Ubirajara Spessotto, diretor-geral da Cyrela.

Já os empreendimentos de uso misto desenvolvido pela construtora, com residencial e comercial no mesmo local, Spessotto conta que são projetos especiais e que precisam ser muito bem estudados antes do lançamento. “Sempre vão ter espaço, mas são exceção, pois não é qualquer local que pode receber. O Çiragan obteve sucesso porque está na região da Avenida Paulista, local de desejo tanto para quem quer morar quanto trabalhar”, diz.

Lançamentos:

Office Design Berrini

Localizado na Avenida Luiz Carlos Berrini, 1.774, o empreendimento terá salas com metragem a partir de 38,8 m². Previsão de entrega em dezembro de 2011. www.yuny.com.br

Brascan Century Plaza – Green Valley

Na Avenida Andrômeda, 885, em Alphaville, Barueri. O projeto terá shopping, 573 salas a partir de 36 m² e uma ala corporativa com 181 salas de até 1.400 m². A entrega está prevista para 2011. www.brascanresidential.com.br

Win Work Pinheiros

Com salas a partir de 98 m² até 665 m², o edifício localizado na rua dos Pinheiros, 610, conta com projeto de aproveitamento do vão livre total nas lajes. www.lindencorp.com.br

The Office

Na rua Frei Caneca, 558, a torre abriga salas de 35 m² a 690 m².
www.trisul.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.