05/02/2007

Um senhor dormitório

Fonte: Casa & Jardim

Neste apê em Serra Negra, SP, o quarto é o chamariz – toma 25 m² dos 71 m² e exala conforto. Com materiais discretos, o espaço tem elementos que se estendem pela sala clara, aquecida com uma pitada de estampa e de cor

Repórter de imagem – Suzel Fontes
Fotos – João Ribeiro

Zap o especialista em imóveis

Em um grande dormitório, as cortinas de linho branco quebram a luz que vem através da porta de vidro. Depois dela, uma varanda traz o vento e o clima ameno da cidade paulista de Serra Negra. Os proprietários do flat decorado pelas arquitetas Adriana Parente e Denise Rocha aproveitam seus finais de semana nesta estância hidromineral e podem relaxar no espaçoso quarto de 25 m², a estrela do apartamento que soma 71 m².

Com espaço de sobra no dormitório, foi possível colocar ali uma grande penteadeira, preenchendo toda a extensão da parede oposta à da cama. O móvel é composto pela bancada de madeira pintada com tinta automotiva branca e por um tampo de vidro Chodopack branco. “Esse vidro protege a madeira e não traz aquele tom esverdeado do serigrafado”, diz a arquiteta Adriana. O mesmo material foi usado como tampo nos criados-mudos e no móvel do aparelho de DVD abaixo da TV de plasma na sala de estar.

Para quebrar a impessoalidade – uma marca registrada dos flats -, as profissionais usaram o MDF semilaqueado de branco em apresentações diferentes: armários embutidos, lambris em paredes da sala e no dormitório, e revestido com camurça em tom de cinza para compor a cabeceira da cama. O material também está nas portas e guarnições com um friso central. “Buscamos trazer aconchego ao apartamento, sem poluir visualmente”, diz Adriana, que dispensou os puxadores de muitos dos armários pequenos na sala e no quarto, preferindo a abertura por toque. “Quanto mais limpo, melhor”, afirma a arquiteta.

Limpo, sim, mas sem dispensar a cor. Em algumas paredes, os lambris dão lugar à pintura em tom de uva-acinzentado esmaecido, presente no quarto e na sala. Os detalhes mais quentes são dados pelas almofadas em seda rústica uva, no dormitório, e pela poltrona em jacquard estampado, que faz o contraponto com o sofá e o pufe, lisos e mais comportados. Um equilíbrio só.

Zap o especialista em imóveis

A cama Portofino, com acabamento em couro branco, e os criados-mudos Amsterdan são da Quartos & Etc… Custaram R$ 6.652 e R$ 1.727 (cada um). Os painéis revestidos com ultrasuede da Regatta, R$ 329,36 o metro, marcam o espaço da cabeceira. A iluminação indireta fica por conta dos abajures Loto da Puntoluce, R$ 2.299 cada. Na almofada retangular, o tecido é seda rústica Regatta, R$ 167,88 o metro. Colcha em jacquard da JRJ, R$ 122 o metro. Manta Trousseau

Zap o especialista em imóveis

A penteadeira é feita em MDF pintado com tinta automotiva e foi execu- tado pela Marcenaria Beldan por R$ 2.700. O tampo é de vidro Chodopack branco, da Vidroart. Cadeira giratória So Happy, em couro branco, da By Design, a R$ 1.400. Acessórios da Conceito Firma Casa e Vallvé. O cantinho de leitura tem luminária Coluna Versátil, da Puntoluce, R$ 895, e poltrona Portofino da Quartos & Etc…, R$ 2.329. A cortina foi con- feccionada da pela Casa Mineira, com linho branco da JRJ a R$ 76,50 o metro

Zap o especialista em imóveis

 

O carpete Mixed Dull branco-gelo da Avanti, com 17 mm, cobre o piso da sala e da suíte, a R$ 375,20 o m2. Pufe Colonna da Casamatriz, R$ 2.790, junto à TV de plasma instalada em um nicho de alvenaria. A poltrona Electra revestida em jacquard é de Fernando Jaeger e saiu por R$ 1.071

 

   

 

Zap o especialista em imóveis

Os dois banheiros do flat são idênticos e têm no piso e nas paredes o revestimento cerâmico retificado Ceusa nos modelos Blanco e Branco Cristal – R$ 59 o m2 e R$ 126 o m2, respectivamente, na Telhanorte. A bancada é feita em mármore Carrara da Lucas Marmo-raria, a R$ 540 o m2. Espelho e boxe Vidroart e acessórios Vallvé. À esq., sofá de três lugares da Casamatriz, R$ 8.700. Abajur Cíntia, com base de acrílico, R$ 1.607,04 na Puntoluce. No fundo estão o frigobar, a pia e bancada de apoio em Carrara

 

  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.