12/07/2008

Uma delícia de terraço

Fonte: Jornal da Tarde

Área social dos apartamentos se sofisticou, e as varandas
unem sala e cozinha

Hélvio Romero/AEZap o especialista em imóveisTerraço gourmet de 41 m² do empreendimento Vista Pacaembu, da CCDI, que tem área total de 496 m²

No início da década de 1990, a Brascan decidiu colocar churrasqueiras nas sacadas dos apartamentos do Maple Leaf Park, condomínio vertical no Itaim. “Foi o primeiro prédio em São Paulo a ter churrasqueira na sacada. Fizemos isso porque estávamos construindo um condomínio de casas no Rio de Janeiro e queríamos trazer para os apartamentos de São Paulo um pouco da vida em casa”, explica Frederico Bonnard, diretor de incorporação -São Paulo da Brascan Residential.

A idéia foi tão bem aceita, que passou a ser adotada por outras
construtoras, e, hoje, o terraço com churrasqueira virou praticamente um item obrigatório como suítes ou vagas na garagem. E com a sofisticação do conceito, ganhou a palavra gourmet no nome.

No âmbito do mercado imobiliário, um terraço gourmet hoje é
o terraço que tem churrasqueira e duas portas, uma para a sala e outra para a cozinha. A antiga sacada com churrasqueira do início da década de 1990, portanto, foi aprimorada e ganhou funcionalidade. “O mercado foi percebendo que o espaço do terraço gourmet tinha que ser funcional. Tinha de ter integração com a cozinha, que é onde os alimentos são preparados, espaço para a refeição, com uma pequena mesa ou interligada à copa ou à sala dejantar e, muitas vezes, com sofás e espreguiçadeiras, funcionando como uma extensão do estar”, diz Maria do Carmo Martins, gerente de marketing da Bueno Netto.

O modelo de terraço gourmet, com churrasqueira e comunicação com sala e cozinha, foi usado em 2003 pela Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário (CCDI) para um apartamento de 175m². “Foi a primeira vez que colocamos um terraço com essas características para um apartamento para a classe média, e não para o alto padrão”, diz Andréa Pirani ,
gerente de incorporação da CCDI.

E de lá para cá virou uma constante até para apartamentos menores. “Até os nossos imóveis de 90 m² têm terraço gourmet”, diz Milena Grahl, gerente de incorporação da Rossi São Paulo. Na outra ponta do mercado, os imóveis de altíssimo padrão também perderam o preconceito de ter uma
churrasqueira e adotaram o terraço gourmet. “Hoje nos imóveis de alto padrão já tem quem mantenha a churrasqueira, mas tem os que substituem a churrasqueira por ilha, com cooktopou fogão para preparar as refeições. Alguns novos apartamentos hoje já são entregues com forno de pizza e espaço para chopeira”, diz Cristina Lacerda diretora de marketing e vendas, da Yuny.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.