27/08/2011

Uso de cortinas e persianas juntas integra espaços

Uso de cortinas e persianas juntas integra espaços

Fonte: Revista do ZAP

União dos acessórios traz novas possibilidades para os ambientes, como vedar a entrada de luz e aquecer ao mesmo tempo

Geralmente o que se vê no ambiente é a cortina ou a persiana. Mas, quem disse que não se pode ter as duas opções em um mesmo espaço? A integração desses dois acessórios traz possibilidades como vedar totalmente a entrada de luz, integrar ou dividir espaços.

cortinas e persianas pense imóveis

Visando explorar todas as vantagens das cortinas e persianas, as arquitetas Patrícia Guerra e Roziane Faleiro, da Faleiro Guerra Arquitetura, desenvolveram o projeto de um quarto em que unem esse dois itens. “Existem diversos modelos, tanto de cortinas quanto de persianas, que permitem usos cada vez mais elaborados e que trazem muito conforto para seus usuários”, defendem as profissionais. No projeto em questão, elas integraram as peças de forma que se complementam com harmonia, conferindo um ar chique e elegante. “O resultado estético da combinação entre a cortina e o reposteiro é incrível. O reposteiro fica apenas no lado direito da parede, além da beleza, essa opção aquece o espaço deixando-o aconchegante”, avalia Patrícia. E completa: “Já a persiana ganhou um papel mais funcional, ela veda a entrada da luz solar”.

Roziane, aliás, faz questão de destacar as funcionalidades das persianas: “De diversos modelos e tecidos elas trazem inúmeras possibilidades de uso, a gosto do cliente. Têm-se a opção de deixar os vãos inteira ou parcialmente fechados, vedados ou transparentes. Esse material pode ser horizontal ou vertical, de aletas ou tecidos. As persianas geram aconchego. Mas a limpeza deve ser feita por empresas especializadas”, alerta.

As cortinas também merecem atenção especial, como lembra Patrícia: “Empregadas com muita frequência, elas aquecem e valorizam os ambientes. Podem ser mais transparentes ou mais opacas. Normalmente, são fabricadas com um tecido neutro por estar fazendo a função de forro; propriedade que causa corpo ao conjunto. O ideal é que se utilize um tecido de 300 cm de largura. Os tecidos acrílicos e com poliéster, são fáceis de manutenção e limpeza”.

cortinas e persianas pense imóveis

As profissionais da AKinteriores, Ana Karina Chaves e Klasina Norden, também apreciam o uso de cortinas e de persianas nos projetos de decoração. Elas citam algumas maneiras de usar esses elementos e dar um toque especial ao lar: “A persiana horizontal ao fundo com uma cortina de voil à frente deixa o espaço bastante bonito”, opinam. Elas defendem, inclusive, o uso das peças nas cozinhas. “Para ambientes conjugados, com cozinha e copa, é permitido usar a persiana, de material fácil de limpar, na cozinha. As persianas mais modernas possuem grande durabilidade, são de fácil colocação e acumulam menos pó, algumas inclusive vedam até o excesso de som externo”.

As arquitetas da Faleiro Guerra, assim como as designers de interiores Ana Karina e Klasina, sempre utilizam persianas e cortinas em seus projetos. Segundo elas, a decoração ganha mais versatilidade. “Podemos vestir os ambientes, proteger o piso e os móveis da incidência direta de luz solar, garantir mais privacidade ao diminuir a luminosidade e outros. Sabendo adequar as diversas alternativas, dá para transformar os ambientes”, garantem.

Leia mais
>> Dicas para o uso de persianas
>> Cortinas: o véu de proteção do lar

Tags: decoração

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.