17/01/2016

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho

Fonte: Revista do ZAP

Imagens podem ser usadas em porta-retratos, banner e até papéis de parede personalizados

Fotografias, além de serem uma forma de decorar os ambientes, são também um artifício para torná-los mais íntimos, homenagear pessoas e situações importantes, ou mesmo situar o visitante sobre quem são seus anfitriões. No quarto, por exemplo, o casal pode ampliar uma imagem com os filhos. Em outra situação, a empresa pode apresentar quadros com fotografias de seus escritórios.

Para cada uma dessas possibilidades existem uma série de formatos para transformar os instantâneos em decoração. Um deles é a colagem, em que várias fotos são arranjadas de modo a formar, no conjunto, uma composição harmônica. As imagens podem ser de tamanhos variados ou iguais, misturando pessoas e lugares, e até mesmo alternando colorido e preto e branco.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - CollageWall tem modelos de arranjo para colagens

Mas obter uma casual colocação de fotos exige bastante planejamento. O CollageWall, serviço de web baseado em São Francisco, nos Estados Unidos, pode simplificar o processo. Oferece formatos padrões e colagens customizadas. As fotos são impressas em papel profissional com um acabamento lustroso e colocadas num suporte preto. Os tamanhos são diferentes dos usuais, já que, segundo a empresa, é difícil criar um layout uniforme usando as dimensões tradicionais das fotos.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - CollageWall tem modelos de arranjo para colagens

Dependendo do tamanho, as colagens podem custar entre US$ 50, com cerca de 45 centímetros de largura por 30 centímetros de altura, a US$ 604, com 1,8 metro por 90 centímetros – em reais, os valores ficam entre R$ 88 e R$ 1.071. A média de preços, segundo o site, é de US$ 150 a US$ 350, ou R$ 265 e R$ 620, valores que não incluem frete. O prazo de entrega é de até 12 dias a partir do pedido, mas o site só envia para endereços nos EUA. Mesmo assim, vale pela inspiração – na sessão de exemplos, há várias sugestões de arranjo.

Expansão em tela
Sabe aquele pôr-do-sol maravilhoso registrado com a câmera do celular? Pois é possível fazer uma tela de até 60 centímetros por 1,8 metro. E sem perder a qualidade. O site CanvasPop é especializado em aumentar fotos cotidianas, inclusive as feitas no aparelho telefônico, mantendo os detalhes. Técnicos atuam para garantir que uma foto de iPhone, por exemplo, fique tão boa ampliada em um metro quanto na tela de quatro polegadas e meia.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - CanvasPop trabalha com ampliação de fotos regulares

A técnica funciona bem para imagem com pouco movimento, pois a textura do material suaviza o deslocamento, em vez de torná-lo chamativo, com uma impressão de fundo liso e brilhante. O site também oferece a opção “filtros e efeitos”, que permitem destacar uma única cor e deixar o restante da imagem em preto e branco, transformar a foto em pop art, quadrinhos ou vintage, entre outros.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - CanvasPop trabalha com ampliação de fotos regulares
Modelo de foto com efeito de destaque de uma única cor

A arte pode ser impressa no papel, e o cliente escolhe a moldura que melhor lhe conviver, ou já na moldura, com espessuras que variam de 19 a 63 milímetros. Os preços da modalidade “enrolado” (sem quadro) variam de US$ 30 a US$ 219, e os prontos para pendurar saem entre US$ 49 e US$ 419 – em reais, de R$ 53 a R$ 740.

Grande, enorme!
Para quem gosta de formatos grandes, existem outros serviços que oferecem impressão em tamanho maior. As opções de material também são variadas, e incluem adesivos – até para colar no chão e pisar em cima -, vinil e papel de parede personalizado, entre outras. O site WizardPrints é um dos que oferece impressão em adesivo. Com 45 por 60 centímetros, o trabalho sai por US$ 35,50, e com 1,8 por 1,37 metro o preço fica US$ 239,50 – em reais, R$ 63 e R$ 425.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - Wallhogs faz impressão em vinil com recorte diferenciado
Wallhogs faz impressão em vinil com recorte diferenciado

O Wallhogs trabalha com decalques em vinil, e chama a atenção pelos formatos diferenciados com que pode trabalhar. Sem as limitações da impressora caseira, é possível criar um corte específico, como na foto abaixo. O vinil é reutilizável (até cinco vezes) e pode ser retirado sem danificar a parede ou a porta. A empresa oferece decalques com tamanhos de 30 centímetros (a partir de US$ 13, ou R$ 23) a cerca de dois metros (até US$ 119, ou R$ 211).

Se grande não é o bastante, que tal cobrir a parede inteira com uma imagem personalizada? A DesignYourWall faz papéis de parede customizados. A ideia não é nova: cenas campestres e de pôr-do-sol invadiram as paredes nos anos 1970. Quatro décadas depois, é possível escolher qualquer imagem ou padronagem para decorar os ambientes. Os materiais de suporte incluem Terralon, poliéster, fibra natural, vinil e materiais texturizados.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - DesignYourWall faz papel de parede personalizado

Mas quem opta por algo maior precisa saber que colocar uma imagem na parede é processo longo, com idas e vindas entre cliente e empresa – o que faz sentido, pois o produto final é mais permanente do que telas ou outras decorações.

Tradição modernizada
Além dos grandes formatos, possibilitados pelas novas tecnologias de impressão e tratamento de imagens, os tradicionais porta-retratos continuam sendo uma opção. A alternativa clássica, no entanto, não deixou de ganhar uma “versão século 21”: o porta-retratos digital. Com telas que vão de uma polegada e meia a catorze polegadas, nos principais modelos, o equipamento reproduz fotos digitais, alternando as imagens como em um protetor de tela.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - Porta-retrato digital da Coby em chaveiro, com tela de 1,5 polegada
Chaveiro com porta-retrato digital de 1,5 polegada

Os preços começam em R$ 47, para o chaveiro com a menor tela, e podem ultrapassar os R$ 1,5 mil, dependendo da tecnologia. Alguns dispositivos funcionam com memória interna: um cabo liga o porta-retratos ao computador, o usuário insere as imagens e depois desconecta o aparelho. Outros possuem entrada USB, o que permite colocar as imagens em um pen-drive e conectar a unidade ao tocador. Há ainda as alternativas que reproduzem formatos MP3 e MP4, possibilitando a exibição de vídeos, por exemplo – e funcionando como uma minitela de computador.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - Porta-retrato digital de 14 polegadas da Coby
Modelo de 14 polegadas da Coby

E, como costuma acontecer com as novas tecnologias, existem os modelos divertidos, que unem inovação e design. A loja Imaginarium, por exemplo, tem o porta-retrato Tô na TV, modelo com formato de televisor retrô e que projeta imagens de 340 por 320 pixels. Não tem entrada USB, pois trabalha com memória interna ou cartão de memória. Além disso, toca MP3 e funciona como relógio e despertador.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - Porta-retrato digital do modelo Tô na TV, da Imaginarium, custa R$ 439 no site da loja
Modelo Tô na TV, da Imaginarium, custa R$ 439 no site da loja

Mais tradicional porém com tela maior, de sete polegadas para fotos de 480 por 324 pixels, o modelo Hi Tech aceita USB e não tem memória interna nem reproduz vídeos. Custa R$ 389. Ambos os aparelhos da loja têm carregador bivolt.

Veja as opções para usar fotos na decoração da casa ou do trabalho - Porta-retrato digital do modelo Hi Tech, da Imaginarium, custa R$ 389 no site da loja

Leia mais
>> Dicas para harmonizar molduras e quadros na parede
>> Adesivos são forma rápida de mudar look do ambiente
>> Papel de parede renova ambiente sem muito gasto
>> Galeria de fotos são dica de decoração para corredor

Tags: decoração

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.