26/11/2013

Vendas de material de construção crescem 3,6% em outubro

Segundo a Abramat, a alta em relação aos negócios realizados em outubro do ano passado foi ainda maior: 3,9%

Fonte: ZAP Imóveis

As vendas da indústria brasileira de material de construção cresceram 3,6% em outubro, na comparação com o mês anterior, informou a Abramat (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção).

Segundo o levantamento, a alta em relação aos negócios realizados em outubro do ano passado foi ainda maior: 3,9%.

Quer receber mais dicas de decoração e mercado? Clique aqui e cadastre-se

No acumulado do ano (janeiro a outubro de 2013), a expansão foi de 4,2%, frente aos mesmos dez meses de 2012. Já em doze meses, o crescimento foi de 3,5%.

Vendas de material de construção crescem 3,6% em outubro
Em 2012, o varejo representou 50% de todo o faturamento da indústria da construção e a expectativa é de alta de 6% para 2013, diz Abramat (Foto: Divulgação)

A participação dos segmentos de mercado no faturamento da indústria e expectativa quanto às ações do governo foram apontadas pelo presidente da Abramat, Walter Cover, como alguns dos fatores para as previsões otimistas do setor.

“No ano anterior, o varejo representou 50% de todo o faturamento da indústria da construção. Para 2013, esse segmento tende a crescer 6% em relação a 2012. Já o segmento imobiliário, teve 28% de participação, enquanto o de infraestrutura, teve 22%. Ambos devem apresentar crescimento de 2% sobre 2012”, afirmou o executivo, via nota.

“Nossa previsão é de fechar o ano com, aproximadamente, 4% de crescimento. Essa meta é sustentada pelas boas expectativas de nossos associados”, completou.

Para ele, alcançar a previsão até o final do ano dependerá da recuperação do segmento imobiliário, assim como da manutenção dos níveis de emprego, renda e crédito, e da aceleração do ritmo das obras de infraestrutura.

Os números do estudo apontam ainda que os empregos na indústria tiveram leve queda em relação a setembro de 2013, com retração de 0,1%. Já em relação a outubro de 2012, houve aumento de 0,8%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.